Momento de uma nova globalização

por Gilberto da Silva


Gilberto da Silva Jornalista e sociólogo

O ano que passou deixou marcas que ficarão gravadas na história da humanidade. Aqui neste espaço quase não falamos sobre o ataque ao império americano. Na realidade entramos de fato numa era de guerras, de fanatismo, de intolerância.
Os príncipes das trevas enfrentando os cavaleiros da morte. Não há santos nesta guerra de religiões. Não bandidos e nem mocinhos. Todos em suas particularidades se equivalem. Mas, um autoritarismo não justifica outro. Uma agressão não justifica outra. Lamentavelmente enquanto este cenário está em ebulição, os ricos continuam cada vez mais ricos, e os pobres cada vez mais pobres. Beberemos do suco pobre da globalização? Comeremos da maçã envenenada de ódio dos fanáticos?

Poderíamos aproveitar a deixa do saudoso Milton Santos e começar daqui uma nova globalização. Quem sabe neste momentos já não estejam os argentinos? Uma nova globalização que inclua os excluídos, que instaure de fato uma nova cidadania.
Entre armas e guerras, entre o ódio e o terror, novos atores renasçam das cinzas deste espetáculo de mentiras.

Post Author: partes