Serviços Sociais nas mãos das Ong’s

Por Laura Santos

Revista Partes – Ano V – novembro de 2004 – nº 51

Problemas sociais são a cada dia mais comuns, e não só no Brasil, mas em toda parte do mundo. Uma maneira encontrada para solucionar este tipo de problema são os trabalhos voluntários (serviços sociais), esse tipo de trabalho esta sendo bem visto por várias pessoas (carentes ou não), pois transforma a capacidade de agir e pensar de várias pessoas e empresas. Em decorrência da insuficiência que o estado tem em resolver sozinhos tais problemas, são criados centros assistências que contam com a ajuda de voluntários e de empresas, com isso a própria sociedade está tomando em suas “mãos” a capacidade de solucionar alguns problemas sociais.

O trabalho voluntário é uma relação pessoal com oportunidades de fazer amigos e de viver novas experiências conhecendo novas realidades, basta apenas ter boa vontade, capacidade em aprender coisas novas e o principal, fazer o bem a alguém.

A associação Meninos do Morumbi foi criada em 1996, com o intuito de afastar as crianças e adolescentes das drogas e da delinqüência infantil. Seus projetos são bem recebidos, pelo fato de serem projetos sociais com alto índice de produtividade, os projetos musicais tem o maior numero de participantes, pois influencia crianças e adolescentes a cantar, dançar e tocar, foi através da musica que a ong conseguiu tirar mais de três mil pessoas das ruas. Mas não só de musica vivem os Meninos do Morumbi, a associação também conta com o apoio de psicólogos, pedagogos e professores, cursos são oferecidos gratuitamente, os meninos também participam de grandes projetos oferecidos pela ong, como a Garagem digital que é o responsável pelo site dos Meninos do Morumbi. Parcerias como Pão de Açúcar, Bit Company, HP, Instituto Credicard entre outros são os grandes responsáveis em fazer com que esse projeto dê certo.

“… o projeto é mais que um desafio é uma luta, onde os tambores, como clarins guerreiros, chegam para provocar um canto, onde o direito à liberdade ao respeito, à dignidade, à vida e ao ser cidadão, tornam-se instrumentos para a construção da cidadania e dos direitos humanos”. (Flavio Pimenta, fundador da Ong Meninos do Morumbi).

Pessoas comuns também são responsáveis em fazer com que esse tipo de projeto de certo, pois oferecem seu tempo e seu carinho, é importante lembrar que muitos voluntários estão ali para promover o desenvolvimento humano por meio de ações educativas. O trabalho voluntário é uma relação pessoal com oportunidades de fazer amigos e de viver novas experiências conhecendo novas realidades, basta apenas ter boa vontade, capacidade em aprender coisas novas e o principal, querer fazer o bem a alguém.

Para ser voluntário e participar de trabalhos sociais, não é necessário pedir licença, mas sim contribuir na medida de suas possibilidades e cumprir com os compromissos assumidos. Alguns voluntários são capazes, por si mesmos, de olhar em volta, “arregaçar as mangas” e agir, como é o caso de muitos “cineminhas” de algumas cidades de São Paulo, onde aos finais de semana em um lugar espaçoso e fechado é reservando um horário para a apresentação de um filme, neste dia alem do filme também são oferecidos pipoca, refrigerante e doces, tudo isso para satisfazer a curiosidade de crianças que nunca tiveram a oportunidade de assistir a filmes em cinemas ou até mesmo em casa. Todo esse trabalho é oferecido pela cidade, alguns contam com a ajuda do governo como os Telecentros, que trabalham contra a exclusão digital e a capacitação de adolescente e adultos ao mercado de trabalho, outros contam somente com a ajuda da comunidade que oferece seu trabalho e seu esforço para fazer com que seus projetos dêem certos.

Serviços sociais são oferecidos também na área da saúde, onde vários serviços de apoio têm sido utilizado para transformar informações em comportamentos cotidianos, tentando com isso diminuir o índice de adolescentes e adultos com HIV e o uso de drogas. Esses serviços incluem palestras com informações e apoio aos que procuram o serviço, sua eficiência aumenta a medida em que cresce o numero de participantes e da comunidade aos quais o programa se destina.

Ser voluntário é um habito do coração e é algo que vem de dentro da gente e faz bem aos outros. No voluntariado todos ganham: o voluntário, aquele com quem o voluntário trabalha, a comunidade. A função do voluntário não é tapar buraco e compensar a carência. A ação voluntária contribui para ajudar pessoas em dificuldade, resolver problemas, melhorar a qualidade de vida da comunidade. As formas de ação são tão variadas quanto as necessidades da comunidade e a criatividade do voluntário.

O governo também presta seu serviço e conta com a ajuda de voluntários, os serviços sociais oferecidos pelo governo são em sua maioria patrocinados pelo terceiro setor e por empresas privadas, é daí que vem a verba que as Ong’s procuram.

Segundo o site do governo federal, um dos projetos patrocinados pelo governo de maior repercussão patrocinado pelo governo atualmente é a Fome Zero, sabe-se que esse projeto do governo contou e ainda conta com o patrocínio de empresas privadas e da sociedade através de doações e de mão-de-obra. Esse é um projeto que se estendeu em todo o território nacional, esse projeto tem como objetivo promover a segurança nacional e nutricional dos brasileiros de baixa renda. Esse projeto como outros contam com o apoio da comunidade oferecendo serviços como os restaurantes populares, cozinhas comunitárias, distribuição de cestas básicas, o projeto bolsa família, mutirão das empresas contra a fome, através de doações de cestas.

Um dos projetos mais ambiciosos do governo federal a bolsa família que foi criado para atender a duas finalidades básicas: primeiro, enfrentar o maior desafio da sociedade brasileira, que é o de combater a miséria e a exclusão social, segundo é promover a emancipação das famílias mais pobres.

O projeto Fome Zero, Bolsa Família e outros que proporcionam ajuda às pessoas carentes e de baixa renda, é um projeto que tem tudo para dar certo devido aos investimentos oferecidos por outras empresas, mas é um projeto que necessita de muita atenção para que não sejam deixados de lado pessoas que realmente precisem.

Para quem deseja participar de algum projeto voluntário, mas não sabe nem por onde começar, pode estar visitando o site www.portaldovoluntario.org.br , o Portal do Voluntário foi lançado através de uma parceria entre o Programa Voluntários da Comunitas, IBM e TV Globo. O portal do voluntário valoriza as ações de que é e de quem quer ser um voluntário, proporcionando oportunidades de ações voluntárias para vários tipos de públicos.

O serviço social tem uma importância marcante para a vida de crianças, adolescentes e adultos carentes que precisão de atenção para continuarem sobrevivendo. Esse serviço prestado à sociedade pela sociedade, oferecendo cursos profissionalizantes, cestas básicas, bolsas auxilio, ajudam as pessoas carentes conviverem com menos tristeza, e passarem seus dias mais felizes.

Laura Santos é estudante de jornalismo

Post Author: partes