Capital do agreste, Caruaru também é a capital do forró

Esculturas - (Foto: Allan Walbert / EBC)
Esculturas – (Foto: Allan Walbert / EBC)

Caruaru – A igreja matriz, a praça principal e um ar pacato dão o clima da maioria das cidades do interior do nordeste. Em Caruaru é diferente. Distante 130 quilômetros de Recife, a cidade é uma das mais importantes do estado de Pernambuco em termos de desenvolvimento econômico. São mais de 320 mil habitantes, que em junho recebem a visita de quase um milhão de turistas para brincar os festejos dos santos populares.

Cantada por ícones da música nordestina como Luiz Gonzaga e Dominguinhos, Caruaru é um dos símbolos do nordeste. A tradicional Feira de Caruaru, por exemplo, percorre de forma itinerante vários estados da região. Mas é em junho que a “princesinha do agreste”, como também é conhecida, ganha ainda mais destaque. A cidade, que detém o título de capital do forró, disputa com Campina Grande (PB) o título de maior São João do mundo.

Os números dão a dimensão da festa. São 30 dias de forró ininterruptos, mais de 200 shows, 38 eventos culturais, 5 pólos de animação e uma segurança que conta com cerca de dois mil policiais. Só de movimentação financeira, a festa gera em torno de R$ 200 milhões.

Para dar um clima ainda mais junino às festividades, Caruaru foi decorada a caráter. Na galeria de fotos abaixo, veja algumas das esculturas espalhadas pela cidade.

Post Author: revistapartes