Memórias secretas

MEMÓRIAS SECRETAS (Canadá-2016)

            Nair Lúcia de Britto
Nair Lúcia de Britto é Comentarista de Cinema, jornalista e poeta.

Faço minhas as palavras do comentarista, do Whashington Post, Christopher Kompanek:  único comentário plausível sobre esse filme, segundo meu ponto de vista. Diz ele o seguinte:

“Esta não é uma trama de vingança convencional. Quando a recompensa do fim da história de Memórias Secretas, finalmente chega ela é tão satisfatória como surpreendente.”
Eu, particularmente, evito ao máximo assistir filmes com cenas de violência; mas, quando o filme se baseia em fatos históricos que fazem parte da nossa Cultura, não tem como resistir.
Nesse caso essas cenas são bem poucas porque o filme se prende quase que exclusivamente na trama. Uma trama inteligente,  original e perspicaz, que não tem nada a ver com outras  histórias da cinematografia. Ela é hilária, tanto que absorve a atenção do espectador até o fim: completamente imprevisível. Isso sem falar do incrível talento do diretor canadense, Atom Egoyan, e da magistral interpretação do ator  Christopher Plummer.
Mais um filme inspirado na segunda guerra mundial e nos horrores do Nazismo que deixaram marcas profundas e doloridas; e que faz o espectador refletir que as guerras não levam a nada. A não ser a um grande sofrimento, principalmente para os inocentes. Inocentes porque não são seus autores; mas apenas marionetes manipulados por algozes poderosos.

A guerra nada mais é do que a marca da barbarie, que, infelizmente ainda persiste no nosso planeta. Um planeta ainda bem distante da evolução merecida.

Post Author: partes