Ciência e Tecnologia

Sistema computacional identifica opinião das pessoas na internet

Nova técnica desenvolvida por grupo de pesquisadores no Campus Sorocaba da UFSCar é menos custosa, mais dinâmica e robusta Conhecer a opinião das pessoas sobre produtos, serviços e até sobre fatos do dia a dia é um dos principais desafios para marcas, empresas, partidos políticos, acionistas etc. Na era da internet, essa necessidade se tornou mais complexa devido ao volume de informações que são geradas e circulam em redes sociais, blogs e sites. Pensando nisso, um grupo de pesquisadores do Laboratório de Sistemas Inteligentes e Distribuídos (LaSID) do Centro de Ciências em Gestão e Tecnologia (CCGT) do Campus Sorocaba da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) desenvolveu um sistema capaz de analisar, automaticamente, uma grande quantidade de mensagens coletadas...
Continue a Leitura »

Educação, pulos e arte: modos de experimentação

Daniela da Cruz Schneider    Resumo: A proposta deste trabalho é pensar a educação e a educação em arte a partir de um encontro com a imagem e com o pulo. Estas imagens são propostas para se pensar educação de uma outra forma, em que um educador possa se desvestir e se permite pular com os alunos em busca da construção dos saberes. Por este motivo esta proposta tenta subverter as lógicas de poder, encontradas na instituição escolar e possibilitar a vivência com a Arte, para além de valores moralizantes. Palavras-chave: Infância; Educação; Ensino de Arte; Imagem.   Abstract: The purpose of this study is to think about education and art education from an meeting with image and jump....
Continue a Leitura »
Comunicação

Comunicação estratégica nas organizações

Por Gilberto da Silva Apresentação Vivemos na chamada sociedade do conhecimento e da informação com cenários de grandes transformações, em um mundo globalizado onde as práticas de gestão das organizações são dinâmicas e demandam uma prática comunicacional coerente e sem contradições, capaz de analisar os fenômenos e orientar e formar as pessoas com a finalidade de melhorar o desempenho de cada um e do grupo.  Na sociedade contemporânea nada é estável, tudo flui, assim, é obrigatória a revisão constante dos fluxos informacionais e comunicacionais, atribuindo sentido estratégico à comunicação, para ir além do plano tático e técnico e consolidar a contribuição efetiva para a gestão eficaz dos negócios corporativos.  A comunicação nas corporações precisa ser efetuada por uma equipe...
Continue a Leitura »
Comunicação

Quanto vale ou é por quilo? Onde está sua indignação?

Mara Rovida*  O nome pomposo do evento – Seminário Internacional sobre Violência contra Jornalistas – não parecia condizente com o “volume” da plateia. Poucos estudantes, uma jornalista da grande imprensa e alguns comunicadores independentes resumiam as participações. Nada que pudesse preencher os espaços disponíveis para ouvir a polissemia que se colocava ali no debate a respeito da violência contra os jornalistas no mundo. Anabel Hernandez veio do México para contar sobre os colegas mortos, esquartejados e devolvidos em sacos plásticos como se fossem “peros”, mas eles eram cidadãos, pais e mães, pessoas, histórias e narrativas a serem contadas. As estatísticas são frias, mas revelam um aumento alarmante nos casos de assassinato de jornalistas em vários países e o México...
Continue a Leitura »
Comunicação

Educação audiovisual: A mídia como alternativa às subjetividades forjadas

Krischna Silveira Duarte*     Resumo - Nesta pesquisa-ação-participante objetivamos estimular a criticidade de crianças em relação às imposições midiáticas e relacionar com a qualidade de nossas relações ambientais. A análise de dados mostra que as crianças passaram a compreender a manipulação das subjetividades e traçar paralelos entre serialização midiática, incentivo ao consumo e a degradação ambiental. Palavras Chave: Educação Ambiental, Audiovisual e educação, Produção de subjetividade, Klinamen.   Abstract - In an action-research-participant aim to stimulate the criticality children in relation to charges relating to media and the environmental quality of our relationships. The analysis of questionnaires shows that children come to understand the handling of subjects and to draw parallels between media serialization, boost consumption and environmental...
Continue a Leitura »
Comunicação

A Comunicação, por ela mesma

Por Gilberto da Silva* A PAULUS lança O rosto e a máquina: O fenômeno da comunicação visto pelos ângulos humano, medial e tecnológico, de Ciro Marcondes Filho que busca formatar uma Teoria da Comunicação livre dos “vícios” da Sociologia, da Filosofia, da Antropologia ou da Ciência Política. Assim como vários estudiosos da área, Ciro que  professor da USP, deseja uma Nova Teoria da Comunicação feita e discutida no ‘campo’ próprio da Ciência – um saber específico, uma área de conhecimento específica – e não nas chamadas Ciências Aplicadas. Segundo Ciro, “nas antigas formas, ao se estudar a comunicação, fazia-se sociologia, ciência política, estudos antropológicos, todos eles muito importantes e necessários, mas não comunicação propriamente dita”. Este rótulo  é usado nas...
Continue a Leitura »
contemporaneidade e comunicação.

Tecnologias do Imaginário

Fernanda Cielo1 Vantoir Roberto Brancher2 Valeska Maria Fortes de Oliveira3   Juremir Machado da Silva, autor da obra Tecnologias do imaginário é graduado em Jornalismo e História, mestre em Sociologia da Cultura e doutor em Sociologia da Cultura pela Universidade de Paris; foi, também, colunista e correspondente do jornal Zero Hora. Atualmente é professor do curso de Jornalismo da Faculdade de Comunicação Social da PUC-RS e coordenador do programa de Pós-Graduação da mesma universidade. Foi correspondente internacional, mantém um blog e assina uma coluna diária no jornal Correio do Povo em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Escritor de muitos livros, dentre os quais destacamos A miséria do cotidiano, energias utópicas em um espaço moderno e pós-modermo e...
Continue a Leitura »

Midia e meio ambiente; um estudo sobre a ‘agenda setting’ no contexto das discussões sobre o novo Código Florestal

MÍDIA E MEIO AMBIENTE: Um estudo sobre a “agenda setting” no contexto das discussões sobre o novo Código Florestal André Silva dos Santos Bruno dos Santos Peres  Davys Sleman de Negreiros     Resumo: Num contexto norteado pelos meios de comunicação de massa, que entende que o papel dos mass media é fundamental nas decisões e opiniões no imaginário popular  devido à crescente importância das questões (os assuntos que são discutidos) no cotidiano, por meio da análise de conteúdo da agenda midiática construída pelos principais jornais diários: “Folha de São Paulo”,  “O Estado de São Paulo” e o “O Globo”; e das revistas semanais: “Veja”, “Época” e “Isto é”, esta pesquisa, ora em andamento devido o prolongamento das discussões...
Continue a Leitura »

O ambientalismo tardio

Minha dissertação de mestrado: O ambientalismo tardio: a Amazônia como temática ambiental no jornalismo impresso paulista está disponível em vários links entre eles: http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=125347 http://www.facasper.com.br/pesquisas/pesquisa/index.php/o-ambientalismo-tardio-a-amazonia-como-tematica-ambiental-no-jornalismo-impresso-paulista,39.html http://www.ufmt.br/gpea/pub/gilberto_da_silva_o_ambientalismo_tardio.pdf resumo: Este trabalho analisa a temática ambiental Amazônia no jornalismo impresso paulista a partir da metodologia de análise de conteúdo dos textos publicados nos jornais O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo. Compreendemos a natureza contemporânea da região amazônica como resultado expressivo de transformações ocorridas na sociedade determinadas pelo paradigma do desenvolvimento predatório. O objetivo é contribuir para a análise do problema amazônico e sua interface com a mídia e constatar os principais interesses; polêmicas e conceitos divulgados pela mídia; e identificar como a Amazônia é retratada nos dois maiores...
Continue a Leitura »