Cultura

Passinho da Viçosa e o Coco de Alagoas

PASSINHO DA VIÇOSA E O COCO DE ALAGOAS Por Olegário Venceslau da Silva “Menina da saia curta,/Saltadeira de riacho,/Te sobe no pé de coco/Pra botar coco pra baixo”. Os sons descompassados dos aboios de velhos trovadores, ritmados em seus versos brejeiros remontam a um pretérito que fogem às lembranças mais ofegantes e não menos vorazes em sua real discrição. O terreiro de chão batido circundado de pálidos arbustos, ressequido ao calor inclemente duma terra que vive seus costumes, arraigada a religiosidade popular, diga-se uma consubstanciação do profano, com o pagode dançado sob a batuta do pandeiro, e o sagrado presente nas cantorias de benditos e encomendações de almas, nas intermináveis noites de vigílias. Pelos íngremes caminhos de uma Viçosa...
Continue a Leitura »
Cultura

Elza Soares arrasou nas Olimpíadas 2016

ELZA SOARES ARRASOU NAS OLIMPÍADA 2016 Nair Lucia de Britto       Elza Soares uma das mais consagradas cantoras brasileiras deu um belo espetáculo nas Olimpíadas de 2016, durante sua abertura, por sinal, maravilhosa. Foi uma sábia e justa lembrança convidá-la entre outras estrelas, para representar o Brasil.     Na sua difícil trajetória de vida, mostrou-se sempre não só uma grande cantora, mas também uma mulher forte e guerreira, que não se deixou abater pelas dificuldades e nunca desistiu dos seus sonhos. Nasceu na favela da Moça Bonita, em Padre Miguel (atual Vila Vintém). Seu pai era um operário e violonista e sua mãe lavava roupas para fora, para ajudar a família. Com apenas 12 anos de idade, o...
Continue a Leitura »
Crônicas

Gilberto Mendes

Por Nair Lúcia de Britto Um dos maiores músicos brasileiros disse adeus dia 01 de janeiro de 1916. Despediu-se dos santistas e de todos que o admiravam pela sua arte, pela sua inteligência, criatividade e um grande amor à sua cidade natal, Santos, a qual considerava o melhor lugar do mundo para morar. Gilberto Mendes nasceu no dia 13 de outubro de 1922, na av. Conselheiro Nébias, n. 809, onde seus pais moravam. Seu pai era médico e foi o pai quem o trouxe ao mundo sem saber que o filho que se tornaria um grande músico. Quando criança, Gilberto Mendes não tinha essa pretensão. Gostava de escrever e pensava em ser um escritor. Começou a trabalhar como bancário...
Continue a Leitura »
Cultura

Tributo a Nat King Cole

Para ouvir mais vezes Nat King Cole, pedi a minha mãe que me comprasse uma vitrola, e tanto insisti, que ela comprou uma, conforme suas possibilidades financeiras. Era uma vitrola de corda com revestimento vermelho e que só funcionava dando corda através de uma manivela. A gente dava corda e punha o disco para tocar....
Continue a Leitura »
Crônicas

Com o coração aberto invento

De tempos em tempos me pego olhando a foto interna de Geraes e procurando meus vestígios - com ou sem barba -naquela mata da Universidade. Eu estava lá, sei. Mas como, onde, de que forma? Não sei... O “esquecer era tão normal” e eu sempre esqueci. E eu era quase criança. Só? Com amigos, talvez e mais provável. Mas quem? Sei lá... mas estava "com o coração aberto em vento" a procurar ser feliz...
Continue a Leitura »
Cultura

Larissa Cavalcanti faz tributo a Elis Regina

Não é sempre que temos a oportunidade de ouvir uma voz cativante e uma boa interpretação, dona de uma voz encantadora, Larissa Cavalcanti presenteará os paulistanos na noite de 22 de março com o espetáculo Tributo a Elis Regina, no All of Jazz. Larissa Cavalcanti, no palco, canta os maiores sucessos da carreira da eterna diva da música brasileira como “Águas de Março”, “Maria, Maria”, “Como Nossos Pais”, “O Bêbado e a Equilibrista”, num tributo a inesquecível dama da música nacional. É um momento imperdível para se deleitar e ouvir temas que ficaram famosos na voz da pequena grande Elis, tais como: “Dois pra lá dois prá cá”, “O bêbado e a equilibrista”, “Atrás da porta”, “Romaria”, “20 anos...
Continue a Leitura »

Música para educar

(*) Gilmar Silvério Já dizia Platão que “a música é um instrumento educacional mais potente do que qualquer outro”. A ideia surgida na Grécia Antiga ganha consistência nos dias de hoje, em que a dinâmica das relações pessoais e do aprendizado avança numa velocidade cada vez mais espantosa. Estudo da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) aponta que o ensino da música melhora o desempenho acadêmico de crianças e adolescentes, além de auxiliar na leitura. A pesquisa mostrou que os alunos que tiveram aulas de música conseguiram ler, em média, 14 palavras a mais por minuto. Houve ainda aumento das notas nas disciplinas de português e matemática. Outro levantamento, de especialistas alemães, indica que as pessoas que analisam tons...
Continue a Leitura »
Cultura

EMÍLIO SANTIAGO, nosso querido cantor brasileiro nos deixou

nair lúcia de britto Um dos grandes representantes da música popular brasileira, Emilio Santiago, nos deixou no dia 20 de março de 2013. Ainda bastante jovem, aos 66 anos de idade, cantou, dançou e fez planos de carreira poucos dias antes de partir; surpreendendo a todos. Eu o assisti no programa da Globo, Encontro com Fátima Bernardes, apresentado na manhã de 4 de março, para o qual foi convidado a fim de participar do quadro De Volta ao Passado. Na ocasião ele esbanjou simpatia com sua figura agradável, relembrando vários episódios pitorescos de sua vida antes de se tornar um cantor famoso. Contou ter tido uma origem simples e não imaginava que um dia seria um cantor. Que seu...
Continue a Leitura »
Cultura

Comemoração dos 50 anos de carreira dos Rolling Stones

nair lúcia de britto O show de comemoração ao aniversário de cinquenta anos de uma das bandas mais famosas do mundo, os Rolling Stones, aconteceu na noite deste último sábado (15 de dezembro de 2012) em Nova Jersey, nos EUA. A banda deu início ao show com a música “Gett Off of my Cloude”. Em seguida cantaram “The Last Time”, “It”s Only Rock Roll (But I Like it) e Paint it, Black. À frente do palco atraente e bem iluminado, eles deram um show de interpretação com músicas eletrizantes, para não deixar ninguém parado no lugar. A platéia parecia hipnotizada diante do brilhantismo do espetáculo, imperdível para quem gosta de rock e até quem não gosta; porque a banda...
Continue a Leitura »

Vandré

Wandir Marques Gonçales - Olá Gente! “Vós que vireis na crista da onda em que nos afogamos, quando falardes de nossas fraquezas, pensei também, no tempo sombrio a que haveis escapado.” (Bertolt Brecht) Com Brecht iniciaremos mais um “Poesias em Letras”, falando a partir desta edição sobre a obra poética de Geraldo Vandré. E falar de Vandré e seu trabalho, é voltar no tempo, tempo este um tanto obscuro, pagina rasgada na história política brasileira. Pois nos meados dos anos 60 onde a intolerante Ditadura Militar registrava toda sua fúria com aqueles que se manifestavam contra a imposição por eles praticada, onde surgia dali o movimento estudantil, a clandestinidade partidária, onde a arte era assaltada em seu valor e...
Continue a Leitura »

Milton Gerais Nascimento

Wandir M. Gonçalves “Antes de ser ligado a qualquer coisa, Milton é ligado a terra, como Caymmi , de outro lado foi ligado ao mar. Os sons de Milton, antes de serem voz e música, são coisas, jogada cara a cara, sem pudor e sem violência, antes tranqüilamente. Mas com a angústia de quem tem os pés plantados em dois tempos, como raízes, os olhos vazados de paisagens de amanhã e na garganta o silêncio das multidões de agora”  (texto do cineasta Ruy Guerra). Milton apareceu para o Brasil em 1967, em 1968 o “Bituca” já estava nos Estados Unidos gravando com o pessoal do Jazz, que na época era o pessoal mais aberto a coisas novas. Teve a...
Continue a Leitura »

Todos os Chicos

 Wandir Marques Gonçales Cantor, compositor, escritor, teatrólogo, músico, poeta e brasileiro. Chico Buarque o Rei da Raça, o Pedro Pedreiro da canção, é o Chico dos desvalidos dos guris, dos pivetes e malandros, é Chico da Lapa e da boêmia, Chico das bocas da, Roda viva, da Geni da Banda. E o Chico de morte e vida Severina, do silêncio e do futebol, da timidez e da Construção, Buarque de tanto amar e de tanto mar pra navegar, que canta nosso refrão, é Buarque de Ana de Amesterdã, da Carolina, da Rita e de Tatuagens, Buarque do Cais do Porto da Morena dos Olhos d’água, Buarque da canção popular brasileira. Hollanda, o poeta de olhar atentos, esverdeados como...
Continue a Leitura »
Cultura

Cavaleiro das caatingas

Wandir Gonçales A música brasileira e o canto popular deve muito a Elomar. Esquecido, o menestrel, arquiteto e criador de bodes na região da Gameleira, perto de Vitória da Conquista, Bahia, tem um universo musical e poético único: é uma sinfonia. Os dialetos e costumes da Caatinga são recriados por este músico maior, ao mesmo tempo rústico e sofisticado, em uma obra essencial, que vai do violão solo ao sinfônico-coral. O crítico José Ramos Tinhorão disse certa vez que Elomar é um dos maiores artista do Brasil. “por estas me bato em retirada vou ino cantar em outro lugar cantá prá não chorar adeus vô embora prá sombra do Vale do Rio Gavião” Veja abaixo duas obras de arte...
Continue a Leitura »

Marisa Monte

  Wandir M. Gonçalves Marisa Monte é sem dúvida nessa nova safra uma das melhores cantoras do Brasil. Suas múltiplas faces estão presente no novo trabalho: Memórias, Crônicas e Declarações de Amor. Produzido por Arto Lindsay e que contou com a participação da cantora. Quem nos deu o delicioso Cor de Rosa e Carvão (1994) nos presenteia com um disco leve, gostoso e como era de de esperar um sucesso. A árvore de cantar não seca e nem secará. Nesta edição uma linda canção que já é um sucesso: Amor I love you (Carlinhos Brown/Marisa Monte) DDeixa eu dizer que te amo F#m Deixa eu pensar em você Em Isso me acalma A7 me acolhe a alma G Gm D...
Continue a Leitura »
Cultura

Sensibilidade e arte

Wandir Marques Gonçalves No lumiar de um novo século, oramos pela nobreza de seus versos, que tantos e a todos estes artistas narrou em suas canções, tem até quem diga: “Chico Buarque é um grande artista e poeta”, mas sim um grande músico, suas melodias soam corretas em nossos ouvidos, é como uma manequim nua, com suas curvas e suavidades, linda de se admirar. Logo em seguida vem suas vestes, e faz com que a mesma manequim linda e nua se torne linda e maravilhosamente vestida. Homem de grande sensibilidade que une ação, força e a realidade num mesmo frasco, como se a química já estivera pronta pôr si própria. Sua arte nos dá profundidade, buscando-nos no mais profundo...
Continue a Leitura »