Educação

A pedagogia de projetos na Educação Infantil

A PEDAGOGIA DE PROJETOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL Fernanda Duarte Araújo Silva*     O presente artigo apresenta algumas reflexões teóricas sobre a Pedagogia de Projetos e suas possibilidades de trabalho na Educação Infantil. Essa metodologia surge com o movimento da Escola Nova em várias cidades da Europa e da América do Norte, estendendo-se para países de outros continentes (BARBOSA, 2013). Entre os principais fundadores desse movimento estão Ovide Decroly, Maria Montessori, John Dewey, Célestin Freinet, entre outros que comumente criticaram o modelo tradicional de ensino e sua organização pedagógica. Palavras-chave: Pedagogia de Projetos; Educação Infantil; Educação. A partir de estudos realizados sobre a prática pedagógica na Educação Infantil, compreendemos que devemos construir possibilidades metodológicas para que ocorra um trabalho...
Continue a Leitura »
Educação

A educação infantil e a construção de ambientes

A EDUCAÇÃO INFANTIL E A CONSTRUÇÃO DE AMBIENTES   Nívia Ferreira da Silva Menezes* Fernanda Duarte Araújo Silva** O presente artigo aborda questões referentes à utilização e organização espacial nas instituições de Educação Infantil. Discutimos sobre a importância da desconstrução de paradigmas antagônicos que permeiam o ensino da Educação Infantil na atualidade, propondo assim um projeto que torne realidade à utilização dos “cantinhos pedagógicos”, para que se conceba na organização do espaço a vivência plena da infância. Palavras – chave: Educação infantil. Organização dos Espaços. Infância. Sabemos que devemos entender as necessidades das crianças e transformar os espaços da Educação Infantil em locais aconchegantes, interessantes, criativos e ao mesmo tempo pedagógicos que contribuam com práticas educativas de qualidade. Deve ser...
Continue a Leitura »
Alfabetização

Concepções de criança e infância a partir da legislação brasileira

CONCEPÇÕES DE CRIANÇA E INFÂNCIA A PARTIR DA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA Ana Lúcia Silvério de Oliveira Domingos¹ Fernanda Duarte Araújo Silva²   Resumo: Esse estudo tem o intuito de apresentar reflexões sobre as concepções de criança e infância presentes na legislação brasileira. Os documentos analisados foram: Constituição Federal (Brasil, 1988), Estatuto da Criança e Adolescente (ECA, 1990), Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB, 1996), Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil (RCNEI, 1998) e as Diretrizes Curriculares para a Educação Infantil (DCNEI, 2009).  Percebemos, de modo geral que as concepções de criança e infância foram construídas ao longo da história, e em cada época esse modo de pensar foram compreendidos de acordo com o contexto social.   ...
Continue a Leitura »
Educação

Ser menino e ser menina na sociedade contemporânea

Pensar hoje o que a modernidade nem se atrevia a questionar, só é possível porque percebeu-se na sociedade pós, essas questões eram centrais para ser pensada, a questão de gênero, etnia, raça, cultura, sem julgar o que é certo ou errado, mas sim o que define a identidade do sujeito pós-moderno não é tarefa fácil...
Continue a Leitura »
Educação

Estágio Supervisionado: O Trabalho com Poesias no Ensino Fundamental

  Fernanda Duarte Araújo Silva¹ Resumo: O presente trabalho tem por objetivo relatar uma experiência de estagiárias do curso de Pedagogia, da Universidade Federal de Uberlândia. O projeto intitulado “Construindo Poesias” foi desenvolvido com 27 crianças da fase introdutória, na faixa etária de seis anos em uma escola da rede pública municipal da cidade de Uberlândia.  Esse tema surgiu a partir de observações que as estagiárias realizaram na escola, nas quais perceberam que as crianças tinham um contato restrito com a literatura, principalmente com a poesia. As aulas de literatura restringiam-se às contações de histórias e o recorte e colagem para ilustrações. Os livros de literatura também eram usados como instrumentos para avaliar a leitura das crianças. Em linhas...
Continue a Leitura »
Educação

Contação de histórias: uma experiência no estágio supervisionado

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS: UMA EXPERIÊNCIA NO ESTÁGIO SUPERVISIONADO.     Jaqueline de Andrade Calixto¹ Fernanda Duarte Araújo Silva² Resumo: O presente trabalho tem como objetivo apresentar uma atividade de intervenção desenvolvida em um Estágio Supervisionado do Curso de Pedagogia da Universidade Federal de Uberlândia. Constatamos por meio do estágio que muitas crianças, que frequentam a escola estagiada, são filhos e filhas de migrantes nordestinos que vieram para a cidade de Ituiutaba-MG, motivados com o trabalho disponível nas usinas canavieiras. Assim nossa intervenção, na escola estagiada, teve o intuito de abordar o tema “mudança”, por acreditarmos que esse processo precisa ser abordado na formação dessas crianças.  Palavra-chave: Estágio Supervisionado; Contação de Histórias; Educação.               Introdução  Apesar do conceito de...
Continue a Leitura »
Educação

Teóricos e suas influências na constituição da Educação Infantil

Estudos sobre a História da Educação demonstram que a família foi historicamente assumindo responsabilidades diferenciadas no cuidado e educação das crianças. Nessa linha, Oliveira (2010) destaca que arranjos alternativos para prestar esse cuidado às crianças pequenas foram culturalmente construídos, e envolveram usos diversificados de redes de parentesco nas sociedades primitivas, desde “mães mercenárias” presentes desde a Idade Antiga, além de arranjos mais formais realizados em instituições construídas para este fim, e que delineavam as condições para o desenvolvimento infantil segundo a forma como entendiam este desenvolvimento, a partir das concepções existentes sobre a maneira como o destino social da criança atendida era pensado...
Continue a Leitura »
Educação

Ludicidade na educação infantil: currículo, interações e cultura em contexto

Embora as discussões busquem conceituar os jogos e as brincadeiras, estudiosos como Brougère (1998) e Kishimoto (2000) afirmam não ser possível definir tais vocábulos em razão de que são polissêmicos e ambíguos, pelo fato de que tratam-se de manifestações sociais e culturais e por isto adquirem variadas significações....
Continue a Leitura »
Educação

O professor mediador do conhecimento em mídia na educação infantil

Este artigo objetiva analisar conceitos, potenciais e implicações do uso das mídias na educação, tendo em vista a realidade da escola Municipal Eunice das Chagas Fernandes, localizada em Macapá-AP. Deste modo, a partir de análise da contribuição que as mídias podem levar ao processo de ensino-aprendizagem na educação infantil, com a ação de um professor mediador, ilustrou-se este trabalho com uma intervenção pedagógica cujos resultados serão vistos no decorrer deste artigo....
Continue a Leitura »
Educação

Educação Infantil: Concepções, Legislações e Formação de Professores

Simone Alves Scaramuzza* Maria Isabel Alonso Alves* Resumo: este texto tem por objetivo, fazer uma análise sobre as leituras efetivadas sobre Educação Infantil e Formação Docente. Trata-se de um estudo bibliográfico em que será analisado o processo histórico da concepção de criança e de infância. Será realizada também uma reflexão sobre como essa temática tem sido tratada pelas legislações, sobre qual é a formação ideal para os profissionais da educação infantil. Palavras-chave: Educação Infantil. Legislações Educacionais. Formação de Professores. Considerações Iniciais   Nem sempre se teve presente na história da humanidade a concepção de criança. Muller e Redin (2007) inspiradas em Ariès mostram quando começa o surgimento da concepção social de criança para tratar dos pequenos indivíduos invisíveis da...
Continue a Leitura »
Educação

Menina bonita do laço de fita: o olhar da psicanálise

  ANTERO, Kátia Farias – UNIDERC/FURNE/FACNORTE Resumo: A literatura infantil abre um leque bastante abrangente para explorar variados temas e diferentes aspectos. A afetividade, tão explorada por Wallon, ocupa um importante lugar na educação como componente primordial para aprendizagem  da criança e tem sido cada vez mais discutida na área psicanalítica com o olhar em descobrir suas interferências e em quais circunstâncias se entrelaça com a transferência. Atualmente, o que se enfatiza é o olhar com o outro, de que forma a narrativa de uma literatura infantil pode influenciar o outro de modo que esta proporcione-lhe a expressão de suas inquietações. Diante desse argumento, a produção científica deste propõe realizar uma análise na literatura infantil Menina Bonita do Laço...
Continue a Leitura »
Educação

A Lousa Digital como recurso pedagógico na Educação Infantil

Laura Simone Marim Puerta Resumo Neste artigo discute-se a relação existente entre a Tecnologia e a Educação Infantil, bem como as contribuições de ambas para as crianças desta fase escolar, especificamente no que se refere à Lousa Digital como recurso pedagógico. Sendo assim, faz-se um breve esboço a respeito da trajetória da Educação Infantil, com considerações importantes desta etapa inicial da Educação Básica, aliado a aspectos relacionados à Lousa Digital e sua utilização no contexto escolar. Palavras-chave: Tecnologia. Educação Infantil. Lousa Digital.   Digital whiteboard as a teaching resource in Early Childhood Education Abstract This article discusses the relationship between Technology and Early Childhood Education, as well as the contributions of both to the children of this school phase, specifically with regard to the Digital whiteboard as a teaching resource. Therefore, it is a...
Continue a Leitura »

Cuidar e educar de forma integrada: o perfil do profissional de educação infantil

CUIDAR E EDUCAR DE FORMA INTEGRADA: O PERFIL DO PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO INFANTIL Gabriela Wolff Resumo: O profissional da educação infantil vem, ao longo da sua trajetória, experimentando diferentes exigências em relação à sua atuação. Tais exigências vêm sendo feitas em função da origem e determinação social das instituições de atendimento infantil e das transformações históricas nas sociedades que, por sua vez, provocaram mudanças nas concepções de infância e de Educação Infantil. Este artigo é uma síntese de uma pesquisa realizada em uma rede de escolas particulares e confessionais atuante no Estado do Mato Grosso do Sul, buscando compreender como teria de ser definido o perfil do profissional de educação infantil, numa perspectiva que considere os aspectos ligados ao...
Continue a Leitura »

Educação, pulos e arte: modos de experimentação

Daniela da Cruz Schneider    Resumo: A proposta deste trabalho é pensar a educação e a educação em arte a partir de um encontro com a imagem e com o pulo. Estas imagens são propostas para se pensar educação de uma outra forma, em que um educador possa se desvestir e se permite pular com os alunos em busca da construção dos saberes. Por este motivo esta proposta tenta subverter as lógicas de poder, encontradas na instituição escolar e possibilitar a vivência com a Arte, para além de valores moralizantes. Palavras-chave: Infância; Educação; Ensino de Arte; Imagem.   Abstract: The purpose of this study is to think about education and art education from an meeting with image and jump....
Continue a Leitura »

Brincadeiras e jogos na educação infantil

ROSIANE VIOLADA   RESUMO O presente artigo tem como objetivo mostrar a importância das brincadeiras e jogos nas escolas de educação infantil. Através das brincadeiras e jogos, as crianças desenvolvem saberes, resolvem conflitos, experimentam sensações, lidam com diferentes sentimentos e aprendem a conviver e a cooperar com um grupo. Enquanto brinca, a criança está pensando, criando e desenvolvendo, dentre outros fatores, o pensamento critico. Brincar é uma realidade cotidiana na vida das crianças. E para que brinquem é suficiente que não sejam impedidas de exercitar a imaginação simbólica, instrumento que lhes fornece os meios de assimilar o real aos seus desejos e aos seus interesses. A brincadeira e o jogo são sem dúvida a forma mais natural de despertar...
Continue a Leitura »
Educação

Brincadeiras e jogos na Educação Infantil

    FINOM-FACULDADE DO NOROESTE DE MINAS ROSIANE VIOLADA               BRINCADEIRAS E JOGOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL     JUARA   2011     FINOM-FACULDADE DO NOROESTE DE MINAS ROSIANE VIOLADA          BRINCADEIRAS E JOGOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL           Artigo científico apresentado a Faculdade de Educação Finom, como requisito parcial para a obtenção do Título de Especialista em Educação Infantil.             JUARA 2011       FINOM-FACULDADE DO NOROESTE DE MINAS   ROSIANE VIOLADA   RESUMO O presente artigo tem como objetivo mostrar a importância das brincadeiras e jogos nas escolas de educação infantil. Através das brincadeiras e jogos, as crianças desenvolvem...
Continue a Leitura »
Educação

Do Cirque du Soleil à EMEI: a experiência vivenciada de teatro circence com crianças de Educação Infantil

 CASTRO, Carla  MARTINS, Jander Fernandes   RESUMO O presente trabalho trata-se de uma elaboração sistematizada oriunda de um projeto pedagógico o qual tinha como objetivo proporcionar vivências de atividades de jogo teatral e circo com três turmas de jardim A de uma escola municipal de educação infantil (EMEI). Pautando-se na relação aprendizagem-desenvolvimento em idade pré-escolar, os autores elaboraram um projeto didático-pedagógico. Para tal, recorreu-se a conceitos chaves, específicos de cada uma das áreas de conhecimento envolvidas no projeto, tais como: jogo teatral; circo; imaginação, criação. Todas à luz da Pedagogia Histórico-Crítica e da Psicologia Histórico-Cultural. Ao final da realização deste projeto pedagógico, percebeu-se que desenvolver atividades didáticas com turmas de educação infantil, utilizando “atividades” de natureza teatral e circense,...
Continue a Leitura »

A contribuição da afetividade na Educação Infantil: indissociabilidade da afetividade e inteligência

Thalita Cristina Pimentel Cavalcante   RESUMO: O presente trabalho tem como objetivo primordial analisar a contribuição da Educação Infantil para o desenvolvimento afetivo das crianças. Para tanto, analiso alguns aspectos legais e publicações oficiais do Ministério da Educação (MEC) que fundamentam a preocupação com este aspecto do desenvolvimento infantil, e caracteriza as interações estabelecidas entre crianças e professora em uma turma de Educação Infantil. Estudar este tema é importante para a formação docente porque a afetividade é um fator fundamental na constituição do sujeito. Este artigo é fundamentado em estudos da psicogenética desenvolvida por Henri Wallon. Questiono como podemos vivenciar, na nossa prática docente, a valorização do ser e de valores como o respeito ao outro se não conhecemos...
Continue a Leitura »
Alfabetização

Alfabetização e letramento: discutindo conceitos

ILDETE MARQUES COSTA* FERNANDA DUARTE ARAÚJO SILVA** RESUMO O presente artigo tem como objetivo discutir os conceitos de alfabetização e letramento. Em linhas gerais percebemos por meio dos estudos realizados que dissociar alfabetização e letramento é um equívoco porque, no quadro das atuais concepções psicológicas, linguísticas e psicolinguísticas de leitura e escrita, a entrada da criança (e também do adulto analfabeto) no mundo da escrita ocorre simultaneamente por esses dois processos: pela aquisição do sistema convencional de escrita – a alfabetização – e pelo desenvolvimento de habilidades de uso desse sistema em atividades de leitura e escrita nas práticas sociais que envolvem a língua escrita – o letramento. Palavras-chave: Alfabetização; Letramento; Leitura; Escrita. ABSTRACT This article aims to discuss...
Continue a Leitura »
Educação

A avaliação na educação infantil

Celina Elisa de Paiva* Fernanda Duarte Araújo Silva**    RESUMO  O presente artigo tem como objetivo discutir o processo avaliativo na Educação Infantil. Buscamos identificar como podemos  avaliar as crianças e quais instrumentos avaliativos podemos utilizar nesse processo. Concluímos que, precisamos construir práticas e concepções de avaliação, que contemplem a participação e envolvimento de todos os sujeitos envolvidos no processo educativo. Palavras Chave: Educação Infantil; Avaliação; Aprendizagem; Crianças; Infância.   ABSTRACT This article aims to discuss the evaluation process in Early Childhood Education. We sought to identify how we assess children and evaluative tools which we can use in this process. We conclude that we need to build practices and conceptions of assessment, which envisage the participation and involvement...
Continue a Leitura »
12