ISSN 1678-8419                                                                                                                   Ano III n.37 setembro de 2003

  Principal
 Agenda
 Comportamento
 Cotidiano
 Cultura
 Econotas
 Editorial
 Educação
 Em Questão
 Esportes
 Humor
 Links
 Nossa Língua
 Notícias
 Outras edições
 Poesia e Crônicas
 Política
 Reflexão
 Serviços
 Sócio Ambiental
 Terceira Idade
 Turismo
   Participe
 Cartas
 Expediente
 Fale Conosco
   Especiais
 SP 450 anos
 Gilberto Freyre
 Igrejas
 Meio Ambiente
 Assédio Moral
::Poesia::
Todas as Histórias do Mundo
por Silas Corrêa Leite
 
Poema da Biblioteca:

 

Todas as Histórias do Mundo

 

-Sou cheia de cavidades, conteúdos, somas

Tábuas paralelas segurando sonhos

Sou alta, larga, profunda - com glórias

Carrego das vidas todas as histórias

 

-Sou aquela que registra a própria civilização

Sou mais importante do que o pão

Sou forte, plena, cortejada e vaidosa

Sou cheia de luz em verso e prosa

 

-Tenho brilho por ter romance de alguém

Sou altamente cultural também

Sou a que guarda os tesouros da terra

O Reino das Palavras, na paz e na guerra

 

-Sou a que só se desfaz por acidente

Por incêndio - ou demente

Tenho páginas de rostos no meu Ser

Em belo acervo de aventura e prazer

....................................

 

-Sou a que é certa por linhas certas

O mundo mágico dos Poetas

SOU A MARAVILHOSA BIBLIOTECA

REINO DA FANTASIA PARA MENTES ABERTAS.

::educação::
Por um ensino não-discriminatório
por Sandra Kezen
sobreoautor.jpg (6467 bytes)

Silas Corrêa Leite - De Itararé-SP
Educador e Poeta - Site pessoal: www.itarare.com.br/silas.htm

E-mail: 
poesilas@terra.com.br

institucional

ajude.jpg (10331 bytes)

 

 

© copyright revista partes 2000-2003
Editor: Gilberto da Silva (Mtb 16.278)
São Paulo - Brasil