A bela São João del-Rei

Ano I – Nº10 – janeiro de 2001

www.partes.com.br/turismo10.html

O antigo Arraial Novo do Rio das Mortes deu origem à bela cidade de São João del-Rei, em Minas Gerais, fundada no início do século XVIII pelo aventureiro taubateano Tomé Portes del-Rei. Num local chamado Tejuco, se fixa o primeiro núcleo de povoamento que daria origem ao Arraial Novo de Nossa Senhora do Pilar, mais tarde Arraial Novo do Rio das Mortes.

São João del-Rei é considerada a “Terra onde os sinos falam” pois os sinos têm uma linguagem bem peculiar e se comunicam com os são-joanenses. Todos os sinos têm nome e em 1930 o “Jerônimo”, um sino, foi preso e condenado à fundição porque matou o sineiro com uma pancada. De seu bronze nasceu o “Francisco”, que badala na Igreja de São Francisco de Assis.

São João del-Rei é a única cidade do mundo onde ainda existem locomotivas Baldwin em operação.

Com suas doze janelas, doze portas e três balcões de ferro, o sobrado onde nasceu Tancredo Neves (ex-presidente do Brasil), e serviu de cenário para a sua infância, ficava à esquina da rua Getúlio Vargas e Artur Bernardes, hoje só restam as cinzas, pois um incêndio o destruiu completamente no ano de 1995.

Em 1817, o cientista austríaco Johann E. Pahb considerou a vila “uma das mais limpas e hospitaleiras que conheceu no Brasil”. No mesmo ano, Saint Hilaire louvou sua localização e aspecto agradável.

Foi São João del-Rei a 4ª Vila do Ouro de Minas Gerais

A 2ª Cadeia Pública de São João del-Rei foi construída em 1737 onde atualmente é o Museu de Arte Sacra. Em frente fica a Capela da Piedade, construída para que os presos pudessem assistir às missas aos domingos de uma das 5 janelas da cadeia.

No Museu de Arte Sacra está a capela onde Tiradentes foi batizado.

Com seu Passo da Paixão, o nobre sobrado do século dezenove, que pertenceu ao Barão de São João del-Rei, hoje Delegacia Regional de Ensino, guarda entre suas muitas memórias, a hospedagem ao Imperador D. Pedro II, em 1881, quando foi inaugurada a E.E.F.O.M.. No ano de 1996 a Estrada de Ferro Oeste de Minas entrou para o Guiness Book como tendo o mais antigo trem de passageiros em funcionamento no Brasil.

Post Author: partes