Secretaria do Verde e do Meio Ambiente lança terceira edição do Guia de Parques

 

Nesta quinta-feira, 26, a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente lança a terceira edição do Guia dos Parques Municipais. Serão distribuídos os primeiros mil exemplares e os próximos 9 mil serão entregues a partir da primeira semana de janeiro na sede da SVMA. Depois será possível conhecer o guia em bibliotecas públicas ou via versão eletrônica, que estará disponível no site da Secretaria nos próximos dias (www.prefeitura.sp.gov.br/svmaparques).

 

A terceira edição – atualizada e revisada – traz informações de mais de 100 parques urbanos, lineares e naturais distribuidos por região. Os leitores encontrarão neste novo formato, além das já tradicionais informações sobre fauna, flora, infraestrutura, particularidades, linhas de ônibus, um grande acervo de fotos, mapa dos parques por distrito e páginas especificamente voltadas aos parques naturais e unidades de conservação.

 

A publicação de 230 páginas foi produzida e editada pela Secretaria do Verde e do Meio Ambiente com apoio da SPTrans.

 

Além de contribuir para o paulistano visitar mais os parques da cidade, o Guia é um registro da expansão destas áreas verdes nos últimos anos e uma oportunidade de conhecer a vocação que estes espaços oferecem aos frequentadores: convivência, lazer, recreação esportiva, diversidade cultural, contemplação, preservação e recuperação de córregos, proteção à biodiversidade, dentre outras.

 

A primeira edição do Guia dos Parques foi lançada em 2007, trazendo informações sobre 32 parques municipais e também sobre as duas áreas de proteção ambiental municipais. Já a segunda edição do guia, lançada em 2010, abordou 62 parques municipais entre tradicionais e lineares, além das áreas de proteção ambiental e destacou ainda importantes conjuntos de parques que foram implantados para preservar os mananciais de São Paulo na região da orla da Guarapiranga, na várzea do Tietê e na borda da Cantareira.

 

Desde 2005 já foram implantados 56 novos parques. Contabilizando aos 34 anteriormente existentes, a cidade possui 90 parques municipais e chegará a 100 com a entrega de mais 10 parques em andamento, saindo de 15 milhões de metros quadrados de áreas protegidas municipais para cerca de 45 milhões de metros quadrados. Além disso, a Prefeitura tem 70 outras áreas em estudo, projetos, desapropriações e em obras, cujas localizações constam no Guia.

 

Agora os parques estão muito melhor distribuídos por toda a cidade. A tabela abaixo resume a situação inicial e a previsão por macrorregião.

 

Macrorregião

Existentes em 2005

Situação hoje

Previsto Dez/2012

Zona Leste

07 parques

28 parques

35 parques

Zona Norte

07 parques

15 parques

15 parques

Zona Centro Oeste

10 parques

20 parques

22 parques

Zona Sul

10 parques

27 parques

28 parques

TOTAL

34 parques

90 parques

100 parques

 

 

 

 

 

O Programa 100 Parques para São Paulo tem como objetivo garantir o maior número de áreas disponíveis e transformá-las em parques, proporcionando a ampliação das áreas de lazer e contato com a natureza em São Paulo, e ao mesmo tempo distribuir mais equilibradamente estes parques.

 

É importante lembrar também que no Programa 100 parques para São Paulo, além dos tradicionais urbanos, a Secretaria do Verde criou dois outros conceitos de parques que são os Lineares (respeitar as áreas de APP, evitar ocupação em áreas de risco, ajudar no combate às enchentes, ser uma opção de cultura e lazer para a população do entorno, além de recuperação das margens do córrego do local), e os Parques Naturais, que visam à preservação da biodiversidade na cidade, de acordo com o compromisso que a secretaria assumiu quando participou do encontro de Nagoya, no Japão.

 

Post Author: revistapartes