Meu superpoder






Allexsander de Souza * Hoje quando vejo os desenhos de super-heróis com meus filhos, lembro-me de ter manifestado um superpoder que infelizmente só ocorreu um dia. Pena! Teria sido muito útil, mas a única vez que funcionou, salvou minha vida. Tinha 8 anos. Seguia para casa de minha avó, Dindinha, a pé. Era a primeira […]






Ipê-Amarelo






Ronie Von Rosa Martins publicado em 05/07/2011 www.partes.com.br/contos/ipeamarelo.asp   Era velho. Então datilografava o texto. Era louco. Então não havia a máquina. E estava só. E as personagens eram reais. Quase. Eram as que caminhavam a sua frente. E as que andavam às suas costas. E as que não via. E as que não lembrava. […]






Um lapso de tempo






Johnny Notariano publicado em 02/06/2011 www.partes.com.br/contos/umlapsodetempo.asp   Abre em outra janela e ouça durante a leitura deste conto: http://www.wga.hu/music1/schubert/schubert_liszt_ave_maria.mp3   Tarde de Inverno, 1975. A chuva fria começava a cair muito tímida como se não fosse chover mais. Na pequena varanda de minha casa no interior de São Paulo eu observava calmo e tranquilamente a […]






Pedro






Ronie Von Rosa Martins publicado em 02/05/2011 www.partes.com.br/contos/pedro.asp Entre as mãos, pressionado pela estrutura física da carne, do osso que sustenta, mas também oprime por também ser obstáculo, peso, parede. Pulsava? Prisioneiro do próprio corpo engendrado para si. O cérebro. Nas mãos encharcadas, embebidas no suor das têmporas-nectar das dúvidas e angústias, ele sentia, percebia […]






Barata






Ronie Von Rosa Martins publicado em 02/08/2010 www.partes.com.br/contos/barata.asp Não. Não era Gregor. Mas era imenso. E era uma barata. E sendo o que era rastejava. Movimento silencioso-furtivo. Era o que era. E ponto. Barata. E estava no lixo. Todos não estavam? Todos não eram baratas? Não eram? E empanturrava-se de tudo. A fome intensa. Pretensa […]






O quadro






Ronie Von Rosa Martins publicado em 14/06/2010 Antes de entrar ele pressentiu. Frio estranho lambendo o corpo. Arrepio bolinando a alma. Com calma. Mesmo assim entrou. Sempre entrava “mesmo assim”. E naquele dia resolveu ver. Observar. Coisas que não via. No cérebro, algo sempre tilintava. Sinal? Tinha sempre a sensação de que sua visão não […]






O homem sentado






Ronie Von Martins publicado em 31/03/2010 www.partes.com.br/contos/homemsentado.asp.htm Engolia todas as dores. E já se acostumara. Não havia dor que não estivesse acostumado a engolir. Todas. Friamente às engolia. Às vezes mastigava-as. Lentamente. Tudo ao seu redor era lento. Denso. Tudo era denso. Densidades estratificantes que lhe cobriam, envolviam em camadas. Como uma cebola. Não comia […]






Meu nome é Legião






Ronie Von Rosa Martins publicado em 03/05/2010 www.partes.com.br/contos/meunomelegiao.asp Em nosso pacto de União, combinamos todos de pelo menos na hora da morte estarmos juntos. Levantamos todos no mesmo instante, as mazelas da anterioridade ainda fermentando suas significações precárias em nossos cérebros e sentidos. O tempo. Sabemos, todos, que nossa fragmentação mesmo que dolorida é necessária… […]






Sapos e escorpiões






Rodrigo Neres publicado em 02/03/2010 www.partes.com.br/contos/saposescorpioes.asp   A maior descoberta da minha geração é que qualquer ser humano pode mudar de vida, mudando de atitude. (WILLIAN apud CARLSON, 1998, p.15)   A luz do sol refletia na água do caudaloso riacho que cortava em duas partes o belo e movimentado bosque. Alguns animais achavam que […]






O homem consumido






Ronie Von Martins publicado em 02/03/2010 www.partes.com.br/contos/homemconsumido.asp Os olhos em lágrimas que jamais não chorariam na pele da cara sua, brilhavam no rosto da cibernética outra criatura. Quadrada forma de intenso devorar a ação. Preso. E junto todo o resto e entorno. A carne mastigada em luz, cuspida em sites, cortada em sítios, a imagem […]