João Paulo II: a fé transformada em obras

Madalena Carvalho

www.partes.com.br/colunistas/madalena/papa_paulo.asp

 

Em junho de 2003, o Santo Padre o Papa João Paulo II declarou que seus dias terrenos estavam chegando ao fim. Naquela ocasião escrevi um artigo para um site católico falando sobre este homem. Hoje me sinto feliz de ter lhe prestado esta homenagem ainda em vida.

Gostaria de dividir com os meu leitores o texto, escrito evidentemente no presente porque na ocasião ele estava vivo … mas de certa forma nada altera o conteúdo, pois Karol Wojtyla deixou um legado que não morrerá.

“ … João Paulo II, além de ter uma característica popular, é um dos maiores lideres religiosos e políticos da História da Humanidade e é, indubitavelmente, o Pastor que segue fielmente à vontade de Jesus: Ide e pregai o Evangelho a toda criatura.

Talvez o Papa João Paulo II pudesse ser chamado de Santo andarilho, pois mesmo com a saúde debilitada dos últimos tempos, não vê empecilhos para levar a palavra de Deus ao maior número possível de fiéis.

É um sacerdote singular. Sua vida religiosa pode ser marcada pela sua defesa à liberdade, pelo número de viagens que fez, mesmo a lugares hostis, pelo perdão ao homem que tentou matá-lo, pelas suas críticas contumazes ao comunismo, pela sua luta incessante em favor da paz mundial, pela sua mediação em conflitos internacionais.

Mas certamente sua vida será sempre marcada pelo seu carisma como homem fundamental e ponto de unidade da Igreja Católica. João Paulo II deve ser nosso modelo de fé, pois ele é um sinal vivo e presente dos valores eternos, colocando-se em disponibilidade absoluta em benefício dos homens.

Sua obra pastoral será eternizada, pois João Paulo II não se escondeu atrás das injustiças, mas com ânimo invejável as denunciou em alto e bom tom, sem com isso perder a caridade, prudência e firmeza, buscando sempre um diálogo baseado no amor.

João Paulo II será imortal pelo seu testemunho que suscita a nossa fé, onde desde o início de seu pontificado valoriza as diversas dimensões da pessoa humana na busca da comunhão fraterna.

João Paulo II é também o grande sacerdote que sabe acolher e ensinar os cristãos do mundo todo com a mesma sensibilidade de Jesus em relação aquele povo que estava como ovelhas sem Pastor.”

Como anunciou o Vaticano: “ ele voltou ao encontro do Pai”. Acrescento …para ter a plena realização de ver e contemplar a face do Divino Mestre, que certamente o recebeu como a pedra angular da sua Igreja nestes tempos modernos, e que soube como ninguém manter esta Igreja construída sobre alicerces duradouros.

Post Author: partes