Educação

“Xingu” e a questão indígena no ocidente

      Genivaldo Frois Scaramuzza Recentemente a emissora global exibiu em cadeia nacional o Filme “Xingu” produzido por Fernando Meirelles, Andrea Barata Ribeiro e Bel Berlinck. Tratou-se de uma grande produção cujo objetivo era retratar a lendária expedição protagonizada pelos irmãos Villas Boas que no filme mencionado são estrelados por João Miguel (Claudio Villas Boas); Felipe Camargo (Orlando Villas Boas) e Caio Blat (Leonardo Villas Boas). A emissora global já havia apresentado uma espécie de reality show que foi ao ar no ano de 2011 em seu programa de domingo e apresentado pelo jornalista Rodrigo Alvarez, cujo título era “Expedição Roncador – Xingu” exatamente o nome da expedição original dos irmãos Villas Boas. Tal contribuição constitui-se como sendo...
Continue a Leitura »
Política e Cidadania

Síndrome de Colonizado

Comp@s, O autoconhecimento, seja individual, seja coletivo, e a identificação de problemas atuais faz parte do avanço da nossa consciência, sobre a época em que vivemos. O que se sabe sobre a realidade de um período histórico é o que nos permite elaborar um diagnóstico, o qual traduza o máximo e o melhor possível a complexidade, que a compõe. Essa caracterização é pressuposto indispensável para quem se propuser a elaborar programas políticos, sociais e econômicos, com vistas a algum projeto para a sociedade, principalmente se esse projeto for alternativo ao vigente. Nesse sentido, trago-lhes esse o texto abaixo, tentativa de contribuição, como parte dos esforços otimistas para que o começo do ano nos impulsione para um período de muita...
Continue a Leitura »

Algumas considerações sobre capitalismo, lógica do capital e liberalismo com o trabalho-educação

  Jander Fernandes Martins Talita Elisabeth Halberstadt RESUMO O presente artigo tem como objetivo discutir as categorias: capitalismo, lógica do capital e liberalismo e de que forma estas interagem e condicionam a relação trabalho-educação, à luz das premissas marxiana e marxista. A primeira destinada a esboçar algumas considerações sobre o modo de produção atual e como ele condiciona a vida individual e social dos indivíduos e apresentar, o capitalismo e da lógica do capital, a distinção existente entre estas duas. Posteriormente, discute-se o Liberalismo e suas premissas que alicerçam o pensamento liberal. Tendo como evidência o fato de que, assim como a Lógica do Capital antecede o Capitalismo (MÉSZÁROS, 2007; 2009), o Liberalismo também contribuiu para o desenvolvido das...
Continue a Leitura »
Política e Cidadania

Mídia e Política: a metamorfose do poder

por Davys Sleman de Negreiros   Resumo: Palavras-Chaves: Mídia e política; Modernização das campanhas; Eleições midiatizadas; midiatização da política. Pode-se aceitar o argumento de que a propaganda/marketing, os mídias e as estatísticas (as polêmicas pesquisas de opinião) impõem-se na medida em que se retrai a cena tradicional da política. Na cena brasileira, faltam principalmente os partidos, pelo menos quando se pensa teoricamente. Estes, desde o final dos anos 50, entraram em crise de representatividade, acelerada pelo Movimento de 1964. A reabertura política reencontrou, com o nome de partidos políticos, máquinas burocráticas que giram na órbita de seus interesses, ou, então, pequenas agremiações com palanques despolitizados, francamente televisivas. Esse fato torna-se compreendido, no caso brasileiro, quando realizamos uma retrospectiva de...
Continue a Leitura »
Cultura

É possível uma outra globalização?

por Gilberto da Silva “Os computadores das mega-corporações trabalham full-time, dia-após-dia. Seus altos executivos circulam num mundo de fanatismo e devoção, venerando o onipresente deus Naiq. Mesmo quando deveriam estar de folga, eles não param de pesquisar, investigando as ruas, buscando novas pistas. Há décadas, eles vêm comprando e subornando congressistas, democratas, modernos, liberais, patrocinando campanhas presidenciais, financiando planos de governo, armando, tramando novos consórcios globais que assumem rapidamente o controle de imensos e estratégicos patrimônios estatais – enfim, conquistando pequenos, médios, grandes mercados emergentes em todos os continentes (aquilo, aquilo que antes chamávamos de países). “Não, não, não estamos falando só de macroeconomia ou geopolítica. Estamos falando de mutações, instituições, partidos, valores e concepções (religiões, no final das...
Continue a Leitura »
Gestão Pública

Custo Brasil nos transportes

Zaqueu Luiz Bobato Flaviana Zarpelon Resumo   O artigo em questão apresenta ao leitor a discussão acerca do “custo Brasil”, sendo que este acarreta no encarecimento de serviços e mercadorias, logo, atingindo os cidadãos oriundos das mais diversas classes sociais existente no país. Na tentativa de clarificar o que é o “custo Brasil”, dar-se-á enfoque sobre os meios de transportes do país, destacando que as péssimas condições de infraestruturas aliadas a falta de investimentos públicos para os transportes, tornam cada vez mais onerosos os custos de serviços e de mercadorias para os cidadãos brasileiros. Palavras-chave: Transportes; Rodovias; Desenvolvimento. Abstract The article in matter presents to the reader the discussion about ‘’Brazil cost’’, becoming expensive the services and goods, reaching...
Continue a Leitura »
Gestão Pública

Áreas de Risco nas Cidades Brasileiras: Gerenciamento e Políticas Públicas

Edson Luis de Almeida Oliveira* RESUMO O presente artigo procura trazer algumas reflexões sobre a temática em torno das Politicas Públicas, e principalmente aquelas destinadas a prevenir e gerenciar as Áreas de Risco em nossas cidades. Este tema vem ocupando cada vez mais a agenda política da sociedade brasileira, frente aos constantes acidentes que vem vitimando parcela significativa da população que reside em áreas impróprias para a ocupação. Destacamos principalmente alguns marcos regulatórios e diretrizes gerais sobre política urbana contidas na constituição Federal de 1988; a Lei Nº 10.257, de 10 de julho de 2001 o Estatuto da Cidade; a criação do Ministério das Cidades (2003) assim como as diretrizes do Sistema Nacional de Defesa Civil (SINDEC) . Palavras–chave:...
Continue a Leitura »

TSE versus TWITTER: HIPOCRISIA DEMOCRÁTICA

  Davs Sleman de Negreiros Na tradição política brasileira, o acesso ao rádio e à televisão tanto dos candidatos a cargos eletivos quanto dos partidos é garantido por Lei. Os candidatos, por meio dos partidos, têm direito à propaganda eleitoral em períodos imediatamente anteriores às eleições. Já os partidos têm como uma de suas funções permanentes a difusão dos programas partidários via rádio e televisão. Tanto num caso quanto no outro, as questões que historicamente têm sido levantadas sobre a matéria dizem respeito: 1. ao período de veiculação; 2. à distribuição do espaço de tempo entre os partidos e os candidatos; 3. às eventuais restrições ou censura ao conteúdo das mensagens veiculadas; e, sobretudo, 4. à gratuidade da veiculação....
Continue a Leitura »
Política e Cidadania

Uma breve análise sobre o absolutismo europeu na perspectiva de Jean Bodin

UMA BREVE ANÁLISE SOBRE O ABSOLUTISMO EUROPEU NA PERSPECTIVA DE JEAN BODIN Denilton Novais Azevedo*     Resumo O presente ensaio tem como objetivo principal apresentar uma breve análise acerca do sistema absolutista europeu dos séculos XVI e XVII, a partir da perspectiva filosófica e política do pensador francês Jean Bodin (1529-1596), expresso em sua obra, Los seis libros de la República, publicada originalmente no ano de 1576. Palavras-chave: Absolutismo; Soberania; Poder absoluto; Jean Bodin. Resumen Este trabajo tiene como principal objetivo apresentar un breve análisis sobre el sistema absolutista europea de los siglos XVI y XVII, desde la perspectiva filosófica y política del filósofo francês Jean Bodin (1529-1596), expresado em su trabajo, Seis Libros de la República, publicado originalmente en el...
Continue a Leitura »

Japão: terra do Sol Nascente

 JAPÃO: TERRA DO SOL NASCENTE     Luciano Bezerra Agra Filho Graduado em Licenciatura Plena em História e Graduando em Licenciatura Plena em Filosofia pela Universidade Estadual da Paraíba .     Resumo: Estamos caminhando para o século XXI e os acontecimentos históricos, estão passando uma evolução espantosa que está modificando o dia-a-dia da humanidade. Resolvi fazer um estudo aprofundado de um País do continente Asiático, que iniciou a sua história, no sistema do regime feudal, isolado do mundo e, hoje, preocupa os historiadores com o seu dinamismo, pretendo comprar o mundo. Exponho um título em minha pesquisa: JAPÃO: TERRA DO SOL NASCENTE. Coloco no meu artigo três capítulos, a saber, sendo que no primeiro capítulo, em o...
Continue a Leitura »

A Magna Carta Libertatum como o abrolhar do Constitucionalismo moderno

A Magna Carta Libertatum Inglesa representou o marco inicial da idéia contemporânea daquilo que temos por Constitucionalismo atualmente, contendo o germe dos ideais de liberdade e garantias fundamentais contidas em nosso notório Estado Democrático de Direito, A Grande Carta das Liberdades assinada por João Sem-Terra na idade das trevas surgiu como um verdadeiro clarão que raiou sobre a Inglaterra naqueles inglórios anos de 1250. A época na qual foi assinada a Magna Carta, Igreja e Nobreza faziam parte Primaria e Secundariamente do ápice da Pirâmide Social existente na Idade Média e o absolutismo vigente privilegiava sucessivamente essas duas classes sociais. Enquanto duraram os pactos de proteção mútua entre Igreja e Nobreza, estas duas classes prosseguiam reciprocamente dividindo em ‘harmonia’...
Continue a Leitura »
Política e Cidadania

O controle dos gastos públicos governamentais: uma investigação sobre o uso do poder de compras

Catarine Elaine de Souza Amaral Guimarães Resumo: O presente artigo contribui para uma reflexão a cerca das instituições públicas e seus mecanismos de controle dos gastos públicos. Além de ampliar o conhecimento acerca do controle público que incentiva o exercício da cidadania às pessoas e incentiva melhor desempenho da gestão pública, visto que as fraudes presentes nos processos licitatórios da administração pública e seus mecanismos de controle ainda são um desafio dentro do regime descentralizado das instituições públicas. Palavras-chave: Gestão Pública; Controle da Administração Pública; Descentralização; Poder de Compra do Estado; Corrupção nos Processos Licitatórios. Abstract:          This paper contributes to a debate about public institutions and their mechanisms of control of public spending. In addition to expanding the...
Continue a Leitura »

ONGs: Limites e Possibilidades

Taysa Silva Santos *  As questões sociais tiveram notório agravamento devido às transformações sócio espacial (urbanização, etc.) ocorrida no que data o século XX. Desse modo, emergiram novos atores sociais no sentido de enfrentar as mazelas em curso tendo em vista que o aparato do Estado não abrange todos os setores. Segundo PINTO (2005), esses novos atores sociais são denominados: organizações não governamentais, as chamadas ONGs. Essas possuem uma dupla concepção no que se refere ao seu significado em sociedade. A primeira concepção seria ONGs como “representantes” da sociedade civil e a segunda, ONGs como “substitutas” do Estado.  Assim sendo, destacaremos nesse debate, duas importantes iniciativas não governamentais que obtiveram êxito no que diz respeito ao enfrentamento da questão...
Continue a Leitura »
Geografia

A Guerra Fria e as transformações no espaço geográfico

A GUERRA FRIA E AS TRANSFORMAÇÕES NO ESPAÇO GEOGRÁFICO   Zaqueu Luiz Bobato Emerson Rigoni   Resumo O artigo em questão visa realizar uma abordagem reflexiva em torno do contexto histórico e geográfico intitulado de “Guerra Fria”, aonde as relações de poder entre Estados Unidos e União Soviética se intensificaram a ponto de imprimirem profundas transformações na economia, na política, na cultura de vários países, enfim, na organização do espaço geográfico mundial.  Palavras-chave: Guerra Fria, Espaço geográfico, poder      Resumen El artículo tiene por objeto un enfoque reflexivo de todo el contexto histórico y geográfico titulado “Guerra Fría”, donde las relaciones de poder entre Estados Unidos y la Unión Soviética se intensificó hasta el punto de imprimir cambios...
Continue a Leitura »

Copa e Olimpíada – Lições de planejamento e ética

“Acordo de manhã dividido entre o desejo de melhorar (ou salvar) o mundo e o desejo de desfrutá-lo (ou saboreá-lo). Isso dificulta o planejamento do meu dia.” (E. B. White) Zurique, Suíça, 30 de outubro de 2007. O Brasil é anunciado como palco paraa Copa do Mundo de 2014. Dois anos depois, mais precisamente em 2 de outubrode 2009, seria a vez do Rio de Janeiro derrotar Chicago, Tóquio e Madri,sendo escolhida como cidade sede para as Olimpíadas de 2016. Parece que foiontem… O relato que farei a seguir caberia já em 2007, o que lhe configuraria umcaráter ainda mais profético. Mas ainda é digno de registro. Afinal, há umconsenso de que muitos são os desafios a serem superados...
Continue a Leitura »

resenha: A formação da classe operária.

ResenhaSinger, Paul, 1932- A formação da classe operária. São Paulo, Atual, 1994 (Discutindo a História) Paul Singer, economista, sociólogo, militante do PT (Partido dos Trabalhadores), aproveita seu passado de metalúrgico, nos anos 50, para escrever este pequeno livro sobre a formação da classe operária, da qual se considera pertencer.Singer, autor de diversos livros sobre economia política, entende a classe operária enquanto ao conjunto de pessoas desprovidas de “propriedade ou de qualquer fonte de renda e que, por isso, são obrigados a usar a sua capacidade de trabalhar, isto é, a vender a sua força de trabalho para poder viver. São os trabalhadores assalariados.”Demarca as diferenças entre o proletariado e a pequena burguesia, que nem todo assalariado é proletário, pois...
Continue a Leitura »
crise

TEMPOS DE CRISE OU OPORTUNIDADES?

Como um admirador e adepto da filosofia oriental que vive estes tempos de crise, prefiro acreditar que um mundo de oportunidades floresce em minha frente, sendo assim, compartilho com todos os amigos leitores a notícia da vinda do americano Dr. Stephen Paul Adler ao Brasil, ele é um dos maiores especialistas mundiais quando o assunto é Stress pós-Traumático e gerenciamento de crises traumáticas causadas por desastres naturais, doenças crônicas, crises financeiras, terrorismo e seqüestro.E falará sobre liderança em tempos como estes que vivemos atualmente! IDEOGRAMA CHINÊS PARA CRISE (Perigo / Oportunidade) Como diriam os chineses: “o verdadeiro capitão desenvolve suas habilidades durante as tempestades” Sucesso para todos neste próspero 2009 Fábio Azevedowww.saladetreinamento.blogspot.com Segue notícia: Especialista internacional em gerenciamento de...
Continue a Leitura »

Projetos comunitários estão melhorando a qualidade de vida de trabalhadores e famílias no Rio Grande do Norte.

Renda Familiar melhora com Projetos Comunitários Projetos comunitários estão melhorando a qualidade de vida de trabalhadores e famílias no Rio Grande do Norte.  São iniciativas que nascem nas comunidades onde o desemprego, a falta d’água e a falta de apoio a pequenas atividades de produção ameaçam a sobrevivência das pessoas, sobretudo, no campo. A Igreja Católica, através do Serviço de Apoio aos Projetos Alternativos Comunitários – SEAPAC, acompanha cerca de 200 experiências através de 03 equipes de agrônomos, que fazem o trabalho nas dioceses de Mossoró, Caicó e na Arquidiocesese de Natal.  Em Macau, município situado no litoral norte-rio-grandense, quatro mulheres mudaram as suas condições de vida através do Projeto de Comercialização do Pescado. Elas compram os peixes e...
Continue a Leitura »

Vlado – Herzog, 25 anos de um assassinato

O Sindicato recebeu e encaminhou à Auditoria Militar um documento, datado de 6 de janeiro, em que os jornalistas apontam uma série de fatos ainda não esclarecidos em relação às circunstâncias da morte de Vladimir Herzog, ocorrida no dia 25 de outubro de 1975, nas dependências do DOI, em São Paulo. O abaixo assinado foi entregue à Justiça com 467 assinaturas e, desde então, recebeu novas adesões em outras capitais e já continha até o fechamento deste número de Unidade, 1004 nomes de jornalistas....
Continue a Leitura »